Subscreva

Cum sociis natoque penatibus et magnis
[contact-form-7 id="1210" html_class="cf7_custom_style_1"]

Subscribe elementum semper nisi. Aenean vulputate eleifend tellus. Aenean leo ligula, porttitor eu, consequat vitae eleifend ac, enim. Aenean vulputate eleifend tellus.

[contact-form-7 id="984" html_class="cf7_custom_style_1"]

Como encontrar os melhores Hashtags de viagem

Hoje escrevo-vos de Madrid, vim fugir um bocadinho, desligar e respirar outros ares. Quando consigo viajar, confesso que gosto muito de planear, o tempo geralmente é reduzido e gosto de tirar o melhor partido do mesmo. Posso então dizer-vos que, como quem faz a mala, preparo uma lista de cafés e restaurantes, um lista de galerias e museus, uma lista de monumentos, uma lista de lojas e uma lista de Hashtags. Sim, leram bem, uma lista de hashtags para usar nas minhas fotos da viagem.

O que é que eu ganho por ter uma lista de hashtags para cada viagem? Consigo chegar a público local, a outros turistas em viagem, descubro novas dicas e segredos da cidade e ainda faço amizades novas. Vou-vos então explicar o meu processo para encontrar a lista perfeita de hashtags para as viagens.

1. Rede de contactos a funcionar
Conforme o destino para onde vão, tentem lembrar-se se seguem alguém. Ninguém usa melhor os hashtags de uma cidade do que as pessoas que por lá vivem. Tentem entender quais os mais usados e a que pertencem, vocês querem garantir que as vossas fotos encaixam na temática daquela comunidade.

2. Perguntem ao Google
Parece um bocado óbvio mas a verdade é que há muito bloggers que fazem compilações das melhores hashtags para cidades e países diferentes. Assim pesquisem por listas de hashtags para cada uma delas e vejam se as vossas fotografias se encaixam por lá. Qualquer coisa como “best hashtags Madrid”, por exemplo é suficiente para vos dar uma resposta. Pesquisem também no Pinterest, que às vezes acaba por filtrar melhor os resultados.

3. Trending Hashtags
Eu uso o Websta para perceber quais os hashtags mais populares e depois tento perceber o porquê e se me encaixo em alguma destas comunidades. O objectivo é encontrar comunidades grandes, onde as nossas fotografias façam sentido. Se fizerem algumas pesquisas pelo nome da cidade/país onde vão estar conseguem encontrar alguns hashtags interessantes. No entanto, sejam pertinentes, usar hashtgs como #follow4follow ou #tagforlike não vos traz nada, ou pelo menos o público certo.

4. Aplica o que se passa aqui, lá fora
Há hashtags de algumas comunidades que são transversais ao mundo ou que se adaptam. Um exemplo é o #igers (para quem não sabe é uma abreviatura de instagramer), que por si só é uma comunidade grande que se divide em comunidades mais pequenas como #igersportugal ou #igersporto. Assim sendo, quer dizer que o mais provável é que também existam noutros países, no caso de Madrid existe #igerspain e #igersmadrid. A mesma regra se aplica a outras comunidades, como o VSCO, por exemplo. A maneira mais fácil de os encontrar é pesquisar na zona das hashtags na vossa app, onde conseguem ver quais os que têm mais publicações.

Depois da vossa lista pronta, criem um atalho no vosso telemóvel e estão prontos para viajar 😉 Para quem não sabe como criar os atalhos está tudo explicado aqui, para quem ainda não percebe muito de hashtags explicamos os básicos todos aqui.

E vocês, também preparam hashtags antes das vossas viagens? Que técnicas usam? Também já fizeram amigos à conta dos hashtags em viagem? 🙂

Fred*

Leave a comment